Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Menos Um Carro

Blog da Mobilidade Sustentável. Pelo ambiente, pelas cidades, pelas pessoas

Menos Um Carro

Blog da Mobilidade Sustentável. Pelo ambiente, pelas cidades, pelas pessoas

www.menosumcarro.pt

MC, 09.11.09

A Carris, empresa de autocarros e eléctricos de Lisboa, lançou há dias uma página/iniciativa intitulada "Menos Um Carro" com forte presença na internet, nos autocarros e publicidade por toda a cidade. Parece-nos um gesto no mínimo de mau gosto a apropriação de um nome de um blogue com 3 anos e conhecido por todos na área da mobilidade. Um nome que alíás nada tem a ver com a Carris, já que se trata originalmente de um slogan do movimento internacional anti-automóvel e pró-bicicleta.

Da Carris não recebemos qualquer contacto, nem a alertar-nos que estariam prestes a plagiar-nos. Apenas houve um email - onde nunca era referido o nome do blogue - da agência de comunicação responsável pela iniciativa enviado apenas a um de nós, a convidá-lo à sessão pública de apresentação da iniciativa... email este enviado com escassas horas de antecedência.

Há 10 dias contactámos a Carris e a empresa de comunicação com o intuito de unirmos esforços. Até hoje não houve resposta.

Lamentamos sinceramente a falta de escrúpulos e cavalheirismo da Carris e da empresade comunicação, não deixamos contudo de lhes dar os parabéns pela iniciativa, pela coragem e pela ajuda a divulgar a causa da redução do número de automóveis nas cidades, desejando-lhes a melhor sorte.

 

Pelo blogue Menos Um Carro, o verdadeiro.

 


O Spectrum e o Buzzófias estão connosco.

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    mlz 09.11.2009

    Viva Dario,

    Não concordo contigo. Infelizmente, para nós, estas iniciativas, normalmente, terminam em nada. Prendem-se mais com a necessidade de promover a imagem da empresa do que propriamente criar clientes de transportes públicos e tirar automóveis da rua. Com elevada probabilidade, daqui a uns meses, acaba-se o subsidio ou a verba destinada à iniciativa e o website sai do ar ou perde visibilidade completamente.
    Tacanhice e pequenez de espírito é criar uma pseudo-guerra com "alguém" que, pelo menos aparentemente, alinha pelos mesmos objectivos. Mais um vez nos quedamos pelas tricas e guerrinhas de bastidores. Gastamos a energia fora do que é essencial que é criar cidades mais humanas. Também aqui podíamos aprender umas lições com os países nórdicos.
    Podemos, naturalmente, considerar falta de consideração da parte desta empresa a apropriação do nome, mas, se se pretendia precaver isto há mecanismos para o fazer, nomeadamente, registar o nome como marca (o que muito provavelmente a carris terá feito).
    À parte disto, o movimento "menos um carro", à escala global, parece-me suficientemente bem sedimentado. Pela antiguidade e simpatia que reúne (o Google premeia isto nas pesquisas) não me parece que seja ofuscado por esta iniciativa, bem pelo contrário.
    Das duas uma portanto: ou se despende energia a dizer mal da carris, por uma iniciativa que, retirando o caso do nome, tem valor. Ou se sacode a poeira e se avança tirando, eventualmente , proveito desta iniciativa.
  • Sem imagem de perfil

    Dario Silva 10.11.2009

    mlz,

    repara que a frase "Percebo o vosso ponto de vista. Mas, afinal quem vier por bem que se junte. " não é minha.
    Eu apenas a citei como que a tentar explicar que os fins não justificam os meios.
    Mas se calhar justificam, nem que seja para fazer bonito.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.