Segunda-feira, 3 de Março de 2008

Medo, muito Medo!

Enviaram-me este maravilhoso desenho por e-mail...

Já agora, car-sharing, sabem o que é?




Ver car-sharing em Portugal, aqui, aqui e aqui.
 
publicado por António C. às 20:23
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De anabananasplit a 3 de Março de 2008 às 22:29
Estás a confundir carsharing com carpooling. Os recursos que indicaste são de grupos de carpooling. Ainda não há carsharing em Portugal. Carsharing seria as Vélib em versão carro, mais ou menos (que, a propósito, o Presidente da Câmara de Paris pretende implementar, com carros eléctricos). ;-)
De António C. a 3 de Março de 2008 às 22:59
Olá Ana...

Sim, também tive essa dúvida, mas então o aúncio é que está mal, porque a questão aqui é não ir sozinho no carro. O que o car-sharing permite...

No entanto car-sharing e carpooling confundem-se no sentido de partilhar o carro, ou partilhar as viagens.

Penso que os links têm directamente a ver...
De anabananasplit a 4 de Março de 2008 às 21:15
Olá António :-)

Sim, o anúncio está mal, e é relativamente comum ver esse equívoco em diversas fontes. Não tem grande importância, claro, mas se pudermos não contribuir para a confusão, melhor. Já agora, aqui fica para quem não sabe bem a diferença:

Carpooling refere-se à partilha do carro de alguém em determinada viagem. Um grupo de amigos ou pessoas de um clube de carpooling como o carpool.com.pt, que vão mais ou menos para o mesmo sítio, combinam e num dia o Zé leva o seu carro e faz uma ou duas paragens a caminho para dar boleia ao Manel e à Maria. No outro dia a mesma coisa mas quem leva o carro é a Maria. And so on. O carro é propriedade do condutor.

Carsharing é várias pessoas partilharem a propriedade e/ou o uso de um automóvel. A pessoa que o usa a dado momento até o pode fazer sozinho, a partilha só coincide na propriedade ou no direito de acesso ao carro, não no seu uso efectivo, na hora em que ele é feito. Por exemplo, num qualquer bairro, há 50 famílias. Em vez de todas essas famílias terem cada uma o seu carro, ou mais até, são sócias de um clube de carsharing. Pagam uma subscrição anual para acederem ao sistema. Depois, quando precisam de um carro, é só ir buscar um disponível aos vários locais onde há carros desse clube disponíveis. Aquilo tem lá toda uma tecnologia de funcionamento, e a pessoa entra no carro, vai à sua vida, põe combustível se for necessário e depois quando já não precisar mais do carro volta a deixá-lo estacionado num dos locais próprios espalhados pela cidade. Entretanto, o seu smartcard registou o tempo de utilização, o combustível usado e atestado, etc. E a pessoa só paga o que consumiu, em tempo e em combustível. Não tem que se preocupar com estacionamento, ter garagem, marcar e pagar inspecções, revisões, pagar o selo do carro, o seguro,... É super cómodo, economicamente eficiente e uma excelente maneira de rentabilizar um recurso escasso: o espaço urbano, bem como rentabilizar os automóveis.
De Paulo a 7 de Abril de 2008 às 13:38
Ola, se vos interessa este assunto entao sugiro uma visita a www.carpool.com.pt

Comentar post

subscrever feeds

Google (lousy) Translation

autores

pesquisar

posts recentes

Ferrovia vs Rodovia em Po...

Dieselgate, só por si, ca...

Emissões da rodovia aumen...

Emissões CO2 de baterias ...

Santos Populares vs Carro...

Documentário de 1973 da R...

Acabou a maior vergonha n...

Nova rede ciclável de Lis...

Caça à multa ou ao dispar...

O estacionamento como fun...

tags

lisboa(224)

ditadura do automóvel(211)

ambiente(208)

bicicleta(157)

cidades(113)

portugal(113)

peões(103)

sinistralidade(74)

estacionamento(68)

carro-dependência(67)

transportes públicos(66)

bicicultura(62)

economia(57)

espaço público(57)

comboio(48)

auto-estradas(42)

automóvel(39)

trânsito(31)

energia(30)

portagens(27)

todas as tags

links

arquivos

Junho 2017

Janeiro 2017

Setembro 2016

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006