Segunda-feira, 7 de Janeiro de 2008

Campeões do Alcatrão III

Fixe bem esta foto:

A fotografia de satélite não está actualizada, mas o que se vê ali são as auto-estradas A1 e A29 (entretanto já a funcionar) na zona de Ovar/Estarreja. Não, elas não se vão encontrar mais à frente, foram planeadas e construídas para serem paralelas! Isso mesmo, uma do Porto a Aveiro não chegava, por isso toca de construir mais uma.
Lembre-se desta fotografia quando alguma vez ouvir em algum lado que Portugal não tem fundos seja lá para que investimento for. Nós construímos auto-estradas paralelas, só podemos ser o país mais rico do mundo (como se pode comparar aqui).
E a história ainda piora. Soube hoje (via Ondas3) que o Governo aprovou a semana passada uma terceira auto-estrada paralela a passar por Oliveira de Azeméis e São João da Madeira, ou seja a menos de 10km da A1.
Esta gente droga-se brutalmente.
publicado por MC às 13:34
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De sonia a 7 de Janeiro de 2008 às 16:24
uma vergonha!

isto e o lobby das grandes constructoras. sem estradas acaba-se o tacho! este pais esta largado as cobras. acho que a solucao seria uma gestao estrageira durante uns anos!
De anabananasplit a 7 de Janeiro de 2008 às 21:29
«Esta gente droga-se brutalmente.» lol Fizeste-me rir com esta, mas o assunto é mesmo uma tragédia. Pobres a deitar dinheiro à rua, é o que nós somos... :-(
De Ecotretas a 12 de Janeiro de 2008 às 00:25
Nãã. Você também deve estar com uma overdose. É que isto é o que se faz em todo o mundo. O que não se faz é alargar auto-estradas como em Portugal, deitando tudo abaixo e fazendo de novo... como está a acontecer nesse local na A1 neste momento
EcoTretas
De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2008 às 14:40
talvez você não saiba do que está a falar

a A29 é uma auto-estrada muito util e que se encontra muito congestionada como pode ver nesta noticia: http://jn.sapo.pt/2007/12/09/porto/a28_e_batem_recordes.html

se nao se tivesse contruido essa autoestrada a A1 estaria num caos

agora para aliviar o transito vai ser contruida outra autoestrada

nessa noticia pode ler:
"Daí a urgência de construção da A32 (Oliveira de Azeméis/Carvalhos) e de mais pontes entre Gaia e o Porto, pois a da Arrábida e a do Freixo já estão a rebentar pelas costuras"
De MC a 6 de Fevereiro de 2008 às 18:44
Eu sei muito bem do que estou a falar, e é óbvio que a auto-estradas está a rebentar pelas costuras.O número de automóveis não é um número fixo em lado nenhum, quanto mais estradas há, mais tráfego é criado.
Por isso criar mais uma auto-estrada não vai resolver nada, porque também ela estará cheia daqui alguns anos.
Basta ver que a A1 tinha menos trânsito antes da abertura da A29, do que agora têm as duas somadas.

A política dos sucessivos governos tem sido um forte incentivo ao transporte individual em detrimento do transporte público, neste caso ferroviário. Pelo dinheiro gasto nas 3 auto-estradas paralelas, poder-se ia ter criado um sistema de comboio bem melhor do actual.

A barbaridade da A29 ainda é maior porque é paga por todos nós (vulgo AE sem portagens) apesar de estar numa das zonas mais ricas do país.
De MC a 6 de Fevereiro de 2008 às 18:54
Já agora recomendo uma visita ao
http://maps.google.com
ou no
http://viamichelin.com
para dar uma vista de olhos na rede de auto-estradas em outras cidades europeias com tamanho semelhante ao Porto. São em gerais bem menores! Sendo nós um país mais pobre, faz algum sentido ter três auto-estradas paralelas?

Comentar post

subscrever feeds

Google (lousy) Translation

autores

pesquisar

posts recentes

Não podemos estar indifer...

É fisicamente impossível ...

Se o estacionamento não f...

O planeamento urbano cent...

Mais estradas não resolve...

E também não, um carro em...

Não, um carro estacionado...

Até na OMS há preocupaçõe...

Os supermercados que cobr...

Até as multas ao estacion...

tags

lisboa(224)

ditadura do automóvel(216)

ambiente(208)

bicicleta(157)

cidades(114)

portugal(113)

peões(103)

sinistralidade(74)

estacionamento(71)

carro-dependência(67)

transportes públicos(66)

bicicultura(62)

economia(58)

espaço público(58)

comboio(48)

auto-estradas(42)

automóvel(39)

trânsito(33)

energia(30)

portagens(27)

todas as tags

links

arquivos

Outubro 2017

Setembro 2017

Julho 2017

Junho 2017

Janeiro 2017

Setembro 2016

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006