Segunda-feira, 8 de Outubro de 2007

Sintra é para carros não para pessoas II

A serra de Sintra é um lugar mágico que há séculos encanta quem a visita (hoje soube que o Hans Christian Andersen faz parte dos ilustres que por lá passaram grandes temporadas).
Passear (a pé entenda-se) hoje em dia pela serra deveria ser algo agradável, mas não é. Subir da vila ao Castelo dos Mouros é quase um pesadelo (diga-se de passagem que praticamente só se vê estrangeiros a fazer o percurso). Em vez do silêncio da serra, temos um constante vrrum vrrum das máquinas a passar, em vez do ar puro e cheiro das árvores da serra, temos uma constante baforada de gasolina queimada que deixa tonto qualquer um que a respire. A serra está transformada em parque de estacionamento junto às atracções turísticas, com automóveis a entupir tudo, quer seja proibido ou não. Nada que incomode a GNR.

O sinal diz "sujeito a reboque" e o sinal está espalhado por vários locais. A GNR nem pestanejou.

Será assim tão difícil colocar mais autocarros a circular e ao mesmo tempo altos preços de estacionamento na Serra ou portagens à entrada, como já vi feito em tantas áreas naturais protegidas por essa Europa fora?
publicado por MC às 00:40
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De OLima a 8 de Outubro de 2007 às 13:15
Realmente aquele pópós estacionados ali deviam ser obrigados a pagar duas facturas: a do estacionamento proibido e o da sombra.
De Zé da Burra o Alentejano a 8 de Outubro de 2007 às 15:38
Esta fotografia vem mesmo a propósito do post anterior sobre a utilização da bicilceta na Holanda e do conselho que dei. Ora aí está!
Repare que os agentes não vão de bicileta mas a cavalo (sempre é um animal mais nobre que o burro).
Já imaginou o que é subir essa serra de bicileta. Infelizmente nem todos somos atletas para podermos fazê-lo!

Já sei que o estacionamento em Sintra é um grande problema e é essa a razão porque aí não vou há muito tempo. Felizmente que Sintra passa bem sem a minha visita.


De Denudado a 9 de Outubro de 2007 às 11:55
Em frente à igreja de Santa Maria (http://www.malhatlantica.pt/sintrantiga/igsantamaria.htm), mandada construir por D. Afonso Henriques, há uma rampa muito inclinada mas curta que dá acesso ao parque do Castelo dos Mouros. A subida até ao castelo por dentro do parque é muito menos íngreme do que a rampa sugere e é incomparavelmente mais agradável e menos cansativa do que pela estrada da Pena. A subida é feita sempre por entre a vegetação do parque e muito longe dos carros e dos seus pestilentos escapes. Em vez do roncar dos motores, ouvem-se pássaros a cantar. Se for por lá uma vez, nunca mais vai querer seguir por outro caminho.

Muito perto da igreja de Santa Maria e fazendo esquina para umas escadas que dão acesso à estrada entre o centro da vila e S. Pedro de Sintra, é que fica a casa onde viveu Hans Christian Andersen.
De MC a 9 de Outubro de 2007 às 12:15
Obrigado
Eu de facto (re)descobri esse percurso ... na descida! Já o tinha feito algumas vezes, mas não me recordava do ponto de partida. E claro, foi aí que reparei na placa do Hans Christian Andersen. Infelizmente não reparei em nenhuma igreja do século XII (uma boa desculpa para voltar). Vou ver já o link
De Denudado a 9 de Outubro de 2007 às 23:36
Para saber onde fica a igreja de Santa Maria, pode, por exemplo, aceder ao site do Multimap:

http://www.multimap.com/maps/?hloc=PT|Sintra

Se fizer zoom no mapa, aparecer-lhe-ão as ruas de Sintra. Procure a Calçada dos Clérigos, para a direita e para baixo do Centro Histórico de Sintra. Na ponta direita desta artéria, pode ver o símbolo de uma igreja. É essa a igreja de Santa Maria. Não fica longe, portanto, do centro da vila, embora se encontre num local muito recatado (ainda bem).
De MC a 10 de Outubro de 2007 às 11:05
Obrigado. Entretanto já tinha chegado lá pelo GoogleEarth e a Wikipedia. Apercebi-me que reparei na altura na igreja e também percebi porque não lhe dei a devida importância: o que resta da igreja original é muito pouco, tendo agora e à primeira vista a aparência de uma igreja banal e recente.
Também li, que haveriam outras 3 naquela zona fundadas pelo Afonso Henriques, mas não percebi bem onde.
E de facto aquele cantinho da vila é bem agradável, deixando-me a sonhar por um euromilhões.

De Tárique a 9 de Outubro de 2007 às 17:03
e por falar em Sintra (http://www.orbita-bicicletas.pt/images/tandem/tandem.jpg):

http://www.orbita-bicicletas.pt/images/tandem/tandem.jpg

Comentar post

subscrever feeds

Google (lousy) Translation

autores

pesquisar

posts recentes

Nova rede ciclável de Lis...

Caça à multa ou ao dispar...

O estacionamento como fun...

Tuk-tuks e as bicicletas,...

Os peões e as bicicletas ...

O excesso de velocidade d...

A mobilidade sustentável ...

O lado "verde" do apoio a...

10 Dicas para a bicicleta...

A EMEL vai investir 40 mi...

tags

lisboa(222)

ditadura do automóvel(211)

ambiente(204)

bicicleta(157)

cidades(113)

portugal(112)

peões(102)

sinistralidade(74)

carro-dependência(67)

estacionamento(67)

transportes públicos(66)

bicicultura(62)

economia(57)

espaço público(57)

comboio(48)

auto-estradas(42)

automóvel(38)

trânsito(31)

energia(30)

portagens(27)

todas as tags

links

arquivos

Setembro 2016

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006