Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010

Das palavras

Jornalista acha que deve ser notícia a PSP do Porto cumprir o seu papel. Também acha que os infractores eram livres como pássaros até serem caçados. São pontos de vista que demonstram que o jornalista parte de dois pressupostos:

 

1) as multas a condutores são raras (facto demonstrado pelo MC

2) tais multas são injustas porque excepcionais.

 

Ou seja, desta perspectiva, a polícia está a usar um subterfúgio legal para diminuir a liberdade dos condutores de circularem como quiserem, mas felizmente isso deve ser pontual.

 

Sugestão de título isento: "PSP tenta prevenir número de atropelamentos em passadeiras" ou "PSP tenta incutir respeito pelos peões". A melhor prova que os peões são tacitamente desrespeitados é ver como quase todos atravessam uma passadeira: a correr ou à pressa. Porque o que está implícito na sua consciênca é que "invadiram" um território onde correm perigo e do qual têm de fugir o mais depressa possível.


Para quem ainda não tiver votado no Orçamento Participativo de Lisboa, espreitar a proposta de um antigo aluno da Universidade de Lisboa que pretende reduzir a carga automóvel no campus

publicado por TMC às 14:00
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De G a 25 de Outubro de 2010 às 15:03
Gostaria imenso de votar no orçamento participativo de Lisboa! O que preciso fazer?
De Nuno Milheiro a 25 de Outubro de 2010 às 17:25
Por acaso assisti a esta "Caça à multa" no Porto, e mal pude acreditar, achei que era um natal antecipado, pois no mesmo dia tinha assistido a uma coisa que nunca tinha visto, carros no passeio rebocados em Espinho.

O engraçado é que se deu junto ao lugar onde estão pintados as mensagens a acusar os peões de serem culpados de atropelamentos.

Um aparte: Há pouca coisa que me enraivecem e/ou entristecem do que pedestres que se apressam nos cruzamentos quando estou pacientemente à espera que passem para atravessar uma passadeira (ao volante). Ora me dá vontade de os insultar pelo medo que têm a usar do seu direito à circulação ora de lhes perguntar se tenho cara de assassino.
De NunoM a 26 de Outubro de 2010 às 00:01
Note-se, no entanto, que a iniciativa apenas foi extensiva a algumas zonas ditas "nobres" da cidade. Há locais que nem sequer foram tocados pela PSP, onde o abuso e a arrogância dos auto-dependentes continua a ser a nota dominante. E a PSP vê, está mais do que ciente do que se passa e nada faz. É essa dualidade de critérios que não consigo entender, por mais voltas que dê à coisa...

Comentar post

subscrever feeds

Google (lousy) Translation

autores

pesquisar

posts recentes

Comércio local cresce

Ferrovia vs Rodovia em Po...

Dieselgate, só por si, ca...

Emissões da rodovia aumen...

Emissões CO2 de baterias ...

Santos Populares vs Carro...

Documentário de 1973 da R...

Acabou a maior vergonha n...

Nova rede ciclável de Lis...

Caça à multa ou ao dispar...

tags

lisboa(224)

ditadura do automóvel(211)

ambiente(208)

bicicleta(157)

cidades(114)

portugal(113)

peões(103)

sinistralidade(74)

estacionamento(68)

carro-dependência(67)

transportes públicos(66)

bicicultura(62)

economia(57)

espaço público(57)

comboio(48)

auto-estradas(42)

automóvel(39)

trânsito(31)

energia(30)

portagens(27)

todas as tags

links

arquivos

Junho 2017

Janeiro 2017

Setembro 2016

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006