Quarta-feira, 14 de Janeiro de 2009

Baixa de Lisboa quase sem automóveis!

A notícia já andava a circular, mas como havia versões contraditórias e a notícia era boa demais para eu acreditar á primeira, ainda não tinha referido.  A CML aprovou um projecto que prevê o fim dos atravessamentos da Baixa para automóveis privados! O trânsito não é cortado, mas apenas quem tem como destino final a Baixa é que passará lá de carro.

 

Isto vai obviamente diminuir em muito a circulação automóvel na Baixa, ajudando a revitalizar aquela zona da cidade, atraindo comércio, consumidores e habitantes. Vai ser uma zona com mais vida, mais agradável e mais segura. Imaginem só as ruas do Ouro e da Prata transformadas (quase, continuaram os transportes públicos) em Rua Augusta.

Atrevo-me a dizer que é a melhor notícia que a cidade já teve em termos de devolução dos espaço público às pessoas desde que ele começou a ser indevidamente apropriado pelos automóveis! Talvez com a excepção da pedonalização da Rua Augusta há uns 20 anos atrás.

 

A questão do desvio do trânsito para as zonas adjacentes é uma falsa questão. Primeiro a grande maioria dos veículos que atravessam hoje a Baixa, não têm como partida e chegada pontos imediatamente antes e depois da Baixa, logo faram percursos por zonas completamente diferentes. Segundo, tal como a abertura de uma nova via cria novas viagens nessa via que não existam antes dela (por pessoas que abandonam os TP por exemplo), o mesmo acontece quando uma via é fechada, a chamada evaporação de tráfego. Façam um Gedankenexperiment, pensem na abertura no túnel do Marquês  ao contrário, ou seja passando de 2008 para 2004. É o equivalente a fechar uma avenida, mas não consta que as ruas da zona estivessem em 2004 terrivelmente pior do que hoje. Foram milhares de viagens de carro que passaram a ser feitas. Por último,  a cidade deve ser das pessoas, quem insiste em andar de carro é que deve acarretar com as consequências da sua decisão, não faz sentido prejudicar quem anda a pé, de TP ou bicicleta.

 

 

 


Apelo para Almada: venham ensinar aos automobilistas que zona pedonal significa zona para peões. Falo da zona da Praça do MFA, que foi recentemente convertida em zona pedonal, mas aparentemente há muita gente - incluindo autoridades - que não sabem o que isso quer dizer, desrespeitando constantemente as novas regras. Esta sexta-feira ás 16h na Praça do MFA.

Mais informação do GAIA.

publicado por MC às 00:03
link do post | comentar | favorito

subscrever feeds

Google (lousy) Translation

autores

pesquisar

posts recentes

Se o estacionamento não f...

O planeamento urbano cent...

Mais estradas não resolve...

E também não, um carro em...

Não, um carro estacionado...

Até na OMS há preocupaçõe...

Os supermercados que cobr...

Até as multas ao estacion...

Comércio local cresce

Ferrovia vs Rodovia em Po...

tags

lisboa(224)

ditadura do automóvel(214)

ambiente(208)

bicicleta(157)

cidades(114)

portugal(113)

peões(103)

sinistralidade(74)

estacionamento(71)

carro-dependência(67)

transportes públicos(66)

bicicultura(62)

economia(58)

espaço público(58)

comboio(48)

auto-estradas(42)

automóvel(39)

trânsito(33)

energia(30)

portagens(27)

todas as tags

links

arquivos

Julho 2017

Junho 2017

Janeiro 2017

Setembro 2016

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006